ERP – Sistema de Gestão Empresarial

A Prosyst é referência em sistemas de gestão empresarial. Há 30 anos no mercado, seu ERP acumula experiência para atender na íntegra as regras de negócio e processos das indústrias e suas extensões, como rede de lojas, serviços e distribuição.

agilize-processo

Agilize
processos

elimine_desperdicios-icone

Elimine
desperdícios

encontre-oportunidades

Encontre
oportunidades

satisfaca-clientes

Satisfaça seus
clientes

cresca-com-seguranca

Cresça com
segurança

Sistemas que Atendem Sua Empresa por Completo

Atualizado com as principais obrigações fiscais
Federais, Estaduais e Municipais

Universo SPED Prosyst

– EFD – SPED Contábil
– ECF – SPED Fiscal
– EFD ICMS-IPI

– EFD Contribuições
– FCONT
– EFD Social
– NF-e
– Bloco K

logo-miniSão 30 anos de Experiência

Gestão de Empresas

Fortaleça sua Empresa

Sistemas adaptados para seu Negócio

industria-seriada

Indústria
seriada

industria-formulacao

Indústria por
formulações
e receitas

industria-projeto

Indústria por
projeto

Rede
de Lojas

distribuidoras

Distribuidoras
e combustivel

Qual é a sua área de negócio?

São 30 anos de evolução na prática com clientes em várias áreas de atuação.

industria-icon-lines

Indústria
metal mecânica
Indústria
matéria prima,
peças e componentes
Indústria de máquinas
e equipamentos
Fundição, usinagem
e ferramentaria
Indústria de
bens de consumo
Indústria com
rede de lojas

industria-formulacoes-icone

Indústria de
alimentos
Indústria de
cosméticos
Indústria
odontológica

distribuidora-icone-diagrama

Distribuição e
postos de combustível
Distribuição de
bens de consumo
Distribuição de
indústria própria

servicos-icon

Serviços de
engenharia
Serviços Industriais
Serviços de TI
Serviços de segurança
e conservação
patrimonial

extensoes-icon

Bares e Restaurantes
Conveniência
Lojas

Parcerias Duradouras, Nosso Maior Orgulho

Alguns de nossos clientes

dohlerfgmlogo-cristal-masteropabierrudnickfibrasca

  • César Döhler
    César Döhler Conselheiro de Administração da Döhler Têxtil

    Lá se vão mais de duas décadas que a Döhler tem a dedicada parceria da Prosyst em boa parte de sua plataforma digital. E isso significa não apenas que as empresas têm boas afinidades. Muito mais do que exitosa parceria comercial, esse longo tempo é a marca de um relacionamento que nos faz crescer juntos. E estar sempre à frente, no que se refere a desenvolvimento tecnológico, aprendendo sempre. Seja na estrutura administrativa, seja em complexos processos industriais, a Prosyst sempre se fez presente, apoiando e oferecendo excelente suporte técnico.

  • Sérgio Seefeld
    Sérgio Seefeld Gerente na Rudnick & Cia. Ltda

    Hoje temos uma gestão integrada de todos os processos do nosso negócio de revenda de combustível, informatização dos postos, lojas de conveniência e restaurante. Desta forma, a gestão corporativa está suportada pelo ERP Prosyst, alinhado com todas as exigências fiscais e tributárias vigentes. Hoje, somos o maior posto do sul do Brasil e o segundo da bandeira Ipiranga no Brasil. Estamos alcançando metas históricas e isto tudo gerenciado pelo Prosyst.

Academia Prosyst, Boletim Técnico e Conhecimento.

Bühler Sanmak vira case de sucesso na indústria 4.0 com sistema Prosyst

A Bühler Sanmak Ltda., empresa de Blumenau que atua há mais de 3 décadas no mercado de fabricação e comercialização de selecionadoras de grãos, tornou-se case de sucesso da Indústria 4.0.

Encontrando dificuldades durante análise do processo de produção e dos indicadores para tomada de decisão, a indústria blumenauense registrou um salto de qualidade com a implantação de um Sistema de Gerenciamento de Projetos flexível, sob orientação da Prosyst Desenvolvimento de Sistemas, de Joinville (SC).

Como era o cenário na produção e processos da Bühler Sanmak?

De acordo com Rafael Mafra, analista de produção da Bühler Sanmak Ltda., o sistema de gerenciamento na empresa apresentava diversos gaps de análises e processos.

Entre os gargalos encontrados, destacam-se:

  • Apontamento de produção manual (papel);
  • Dificuldade de visualizar a disponibilidade da produção;
  • Levantamento de ocupação demorado;
  • Acompanhamento da produtividade manual, (3h para gerar relatório) e com visão semanal;
  • Acompanhamento de paradas/interferências apenas por peças (apontamento manual);
  • PPCP levava em torno de 6h para digitar as OP’s e interferências no sistema diariamente;
  • Sistema interno não gerava gráficos, e a gestão era visual; e
  • Ausência de acompanhamento dos tempos Previstos x Realizados.

Novo cenário após implantação do sistema Prosyst

Em busca de uma solução que oferecesse controle, precisão e qualidade desde o orçamento até a entrega, a Bühler Sanmak conheceu a Prosyst. O Sistema de Gerenciamento de Projetos (SGP) Prosyst integra todo o processo orçamentário aos projetos, sendo totalmente flexível e preparado para a Indústria 4.0, incluindo fases de orçamento, planejamento e apontamento de horas.

Já em uso, o sistema Prosyst solucionou integralmente os obstáculos antigos da Bühler Sanmak, com destaque para as evoluções abaixo:

  • Apontamento OP’s e paradas através de leitura de código de barras (início e fim);
  • Criado sequenciamento das OP’s, otimizando as horas apontadas e a ocupação.
  • Acompanhamento dos prazos de fabricação das OP’s;
  • PPCP monitora em tempo real;
  • Balanceamento da carga de trabalho, identificando os gargalos, ociosidades e melhorando a ocupação e polivalência do operador; e
  • Melhor aproveitamento da mão de obra disponível.

Evoluções com o uso do sistema são nítidas

Rafael Mafra, analista de produção da Bühler Sanmak Ltda, enaltece alguns pontos após o início do uso do sistema implantado pela Prosyst.

Segundo ele, houve aumento de 4,27% na eficiência comparando o mesmo período de janeiro a maio de 2016 com 2017, e redução média de 175,51 horas de interferências/paradas durante o mesmo período.

Além disso, Rafael Mafra destaca a melhora na gestão visual dos indicadores, agilidade para se detectar problemas e redução na carga de trabalho do PPCP, disponibilizando tempo para gerar necessidade de compras (MRP).

Quer saber mais sobre o Sistema para Indústria da Prosyst? Entre em contato.

Workshop sobre Indústria 4.0 e IoT é destaque em Joinville

As empresas que desejam aumentar a produtividade não podem mais ignorar as revoluções que estão ocorrendo por meio da chamada Internet Industrial. As indústrias que não souberem lidar com o volume de informações gerado pelas novas formas de produção e processos, a partir do uso de Sistemas de Gestão Empresarial (ERP), terão dificuldades em ter e manter vantagens competitivas tão necessárias nos dias de hoje.

Esse é o resumo do Workshop: Sabe o que muda com a chegada da Indústria 4.0?, organizado pela Prosyst | Sistemas de Gestão Empresarial, em 6 e 7 de julho de 2017, na Associação Empresarial de Joinville (Acij). O evento reuniu 140 pessoas nesses dois dias e discutiu sobre a era da Internet Industrial e seus impactos nas empresas brasileiras.

Entre os palestrantes estavam Ricardo Gonçalves, diretor de negócios na Pollux, Ivan Hudler, diretor na Prosyst, Edna Schmitt, gestora comercial na Prosyst, Rafael Mafra, gestor de PCP na Bühler, Ozéias Tavares, gestor Manufatura na Norte Ferramentaria, Viviani Crescêncio, consultoria na GTF Ferramentaria e Jônatas Hudler, diretor de tecnologia na Prosyst.

“A Indústria 4.0 já é realidade”

O diretor da Prosyst, Ivan Hudler, foi o primeiro palestrante e apresentou o tema aos convidados. Ele abordou os conceitos da Indústria 4.0, trazendo dados históricos e exemplos práticos de como a Internet Industrial já está impactando na forma de atuação das indústrias.

indústria 4.0

Segundo Hudler, essa nova Revolução Industrial já é realidade no mundo e está mudando o jeito de se produzir. “A chamada Indústria 4.0 é parte integrante da Internet das Coisas (IoT). Os processos nas empresas devem estar interligados aos sistemas de informação, em tempo real, permitindo tomada de decisões e ajustes nos processos num tempo muito curto”, destacou.

“Momento para pensar em novos modelos de negócios”

Ricardo Gonçalves, diretor de negócios na Pollux, abordou o tema “O que é Indústria 4.0?”. Ele trouxe cases práticos de empresas que implantaram sistemas 4.0 e elencou as vantagens e benefícios de quem largou na frente.

indústria 4.0 i IoT

“A Internet das Coisas permite pensar em novos modelos de negócios que irão resultar no aumento da produtividade e da vantagem competitiva”, afirmou.

Ricardo Gonçalves também trouxe em sua fala mitos e verdades sobre a Internet Industrial. Entre esses pontos, ele desmistificou a tese de que a implantação é cara, e reforçou que “não se pode mais ignorar os sistemas de gestão e softwares robustos”.

Manutenção preditiva para reduzir custos

O Workshop: Sabe o que muda com a chegada da Indústria 4.0? corroborou com a tendência cada vez maior de que as empresas precisam se planejar e prever problemas para reduzir custos e aumentar o faturamento.

Um exemplo é a chamada manutenção preditiva. Ela se destaca pelo acompanhamento regular de equipamentos e máquinas por meio de dados coletados em inspeções e sistemas de gestão. Essa supervisão técnica possibilita eliminar desmontagens desnecessárias, impedir o aumento de falhas, ampliar o desempenho de aparelho e das linhas de produção.

Business intelligence: No que um BI pode colaborar?

Jônatas Hudler, diretor de tecnologia na Prosyst, trouxe para o Workshop o tema “No que um Business Intelligence (BI) pode colaborar?” O BI é uma estratégia fundamental para as indústrias, pois o mercado atual exige dos empresários, líderes e gestores rápida tomada de decisão.

Esses profissionais precisam ter acesso a informações estratégicas de imediato, em tempo real e sem depender de técnicos ou de terceiros.

De acordo com Alexandre Saldo, da FGM Produtos Odontológicos, de Joinville, “o acompanhamento em tempo real é uma necessidade que está se tornando possível com a parceria da Prosyst, e acredito que o software nexBI atende às necessidades da FGM”.

Internet Industrial vai se fortalecer nos próximos anos

A estimativa da Associação Brasileira de Internet Industrial (Abii), fundada em Joinville para fortalecer a discussão nacional sobre produtividade e inovação dos meios de produção, é de que nos próximos cinco anos 50 bilhões de novos dispositivos estarão conectados à rede no mundo.

Assim, os debates, capacitações e alterações na forma de como as empresas vão produzir e se relacionar vão crescer cada vez mais.

Segundo Renato Krieger, diretor da Plastibras Indústria de Plásticos, também de Joinville, o Workshop sobre Indústria 4.0 foi uma excelente oportunidade para se ampliar os conhecimentos e para nortear as estratégias empresariais. “Momentos como esses também nos tiram da zona de conforto. Foi colocado ‘um tubarão no nosso tanque’. Parabéns pelo evento”, disse o empresário.

Quer saber mais sobre Indústria 4.0 e Internet das Coisas? Converse com a Prosyst e veja como a empresa pode lhe ajudar.

Workshop: Sabe o que muda com a chegada da Indústria 4.0?

A era da Internet Industrial já começou e ela une máquinas inteligentes ao sistema ERP, envolvendo análise computacional avançada e trabalho colaborativo entre pessoas conectadas para gerar profundas mudanças e trazer eficiência operacional para setores industriais.
 
A Indústria 4.0 vai mudar o mercado, e nestes workshops entenda o que muda sob a perspectiva da automação industrial.
 
Serão dois workshops. Veja abaixo a programação de cada um e inscreva-se!
 

Programação de palestras dia 06 de julho de 2017 (quinta-feira) – Inscreva-se aqui

14h – Abertura / apresentação com Ivan Hudler, diretor na Prosyst
14:15h – O que é Indústria 4.0? com Ricardo Gonçalves, diretor de negócios na Pollux
15:10h – Como preparar sua empresa para a Indústria 4.0 – com Viviani Crescêncio, consultora de negócios na GTF Ferramentaria.
15:45h – Coffee Break
16h – Integrar para evoluir! com Fernando Celidônio, gerente suprimentos e controladoria no Grupo Focus.
16:30h – No que um BI pode colaborar? com Jônatas Hudler, diretor de tecnologia na Prosyst.
16:45h – Espaço para perguntas e network.
17h – Encerramento
 

Programação de palestras dia 07 de julho de 2017 (sexta-feira) – Inscreva-se aqui

8h – Abertura / apresentação com Ivan Hudler, diretor na Prosyst
8:15h – Indústria 4.0 na prática! com Rogério Mariano, gestor de qualidade no Grupo Simoldes.
8:50h – Solução SGP Prosyst 4.0 – com Edna Schmitt, gestora comercial na Prosyst.
9:30h – Coffee Break
9:45h – Indicadores para tomada de decisão – com Fabiano Ramos, coordenador de PPCP na Bühler
10:25h – No que um BI pode colaborar? com Jônatas Hudler, diretor de tecnologia na Prosyst
10:45h –  Espaço para perguntas e network
11h – Encerramento
 
Evento gratuito! 40 vagas
Informações adicionais: 47 3453 0000 ou pelo e-mail josiane@prosyst.com.br