ERP – Sistema de Gestão Empresarial

A Prosyst é referência em sistemas de gestão empresarial. Há 30 anos no mercado, seu ERP acumula experiência para atender na íntegra as regras de negócio e processos das indústrias e suas extensões, como rede de lojas, serviços e distribuição.

agilize-processo

Agilize
processos

elimine_desperdicios-icone

Elimine
desperdícios

encontre-oportunidades

Encontre
oportunidades

satisfaca-clientes

Satisfaça seus
clientes

cresca-com-seguranca

Cresça com
segurança

Sistemas que Atendem Sua Empresa por Completo

Atualizado com as principais obrigações fiscais
Federais, Estaduais e Municipais

Universo SPED Prosyst

– EFD – SPED Contábil
– ECF – SPED Fiscal
– EFD ICMS-IPI

– EFD Contribuições
– FCONT
– EFD Social
– NF-e

logo-miniSão 30 anos de Experiência

Gestão de Empresas

Fortaleça sua Empresa

Sistemas adaptados para seu Negócio

industria-seriada

Indústria
seriada

industria-formulacao

Indústria por
formulações
e receitas

industria-projeto

Indústria por
projeto

Rede
de Lojas

distribuidoras

Distribuidoras
e combustivel

Qual é a sua área de negócio?

São 30 anos de evolução na prática com clientes em várias áreas de atuação.

industria-icon-lines

Indústria
metal mecânica
Indústria
matéria prima,
peças e componentes
Indústria de máquinas
e equipamentos
Fundição, usinagem
e ferramentaria
Indústria de
bens de consumo
Indústria com
rede de lojas

industria-formulacoes-icone

Indústria de
alimentos
Indústria de
cosméticos
Indústria
odontológica

distribuidora-icone-diagrama

Distribuição e
postos de combustível
Distribuição de
bens de consumo
Distribuição de
indústria própria

servicos-icon

Serviços de
engenharia
Serviços Industriais
Serviços de TI
Serviços de segurança
e conservação
patrimonial

extensoes-icon

Bares e Restaurantes
Conveniência
Lojas

Parcerias Duradouras, Nosso Maior Orgulho

Alguns de nossos clientes

dohlerfgmtirolopabierrudnickfibrasca

  • Sérgio Seefeld
    Sérgio Seefeld Gerente na Rudnick & Cia. Ltda

    Hoje temos uma gestão integrada de todos os processos do nosso negócio de revenda de combustível, informatização dos postos, lojas de conveniência e restaurante. Desta forma, a gestão corporativa está suportada pelo ERP Prosyst, alinhado com todas as exigências fiscais e tributárias vigentes. Hoje, somos o maior posto do sul do Brasil e o segundo da bandeira Ipiranga no Brasil. Estamos alcançando metas históricas e isto tudo gerenciado pelo Prosyst.

  • César Döhler
    César Döhler Conselheiro de Administração da Döhler Têxtil

    Lá se vão mais de duas décadas que a Döhler tem a dedicada parceria da Prosyst em boa parte de sua plataforma digital. E isso significa não apenas que as empresas têm boas afinidades. Muito mais do que exitosa parceria comercial, esse longo tempo é a marca de um relacionamento que nos faz crescer juntos. E estar sempre à frente, no que se refere a desenvolvimento tecnológico, aprendendo sempre. Seja na estrutura administrativa, seja em complexos processos industriais, a Prosyst sempre se fez presente, apoiando e oferecendo excelente suporte técnico.

Academia Prosyst, Boletim Técnico e Conhecimento.

10 motivos para investir em um BI para sua empresa

BI é uma sigla emprestada da expressão em inglês que significa Business Intelligence, ou seja, inteligência empresarial ou inteligência dos negócios. Esse tipo de sistema tornou-se muito requisitado nos últimos tempos, pois é consenso entre a maioria dos gestores e líderes em geral de que a informação faz a diferença.

Porém, de nada ou pouco adianta informação fora do prazo requerido. Raramente lemos jornais de ontem e talvez esse seja o produto de informação que envelheça mais rápido.

A informação precisa vir no tempo certo, que permita tomar ações de ajustes, tornando novas decisões mais assertivas. Deve ser confiável, de fácil leitura, que venha ao encontro das necessidades estratégicas e, acima de tudo, de forma correta. Melhor ainda se vier com uma boa apresentação.

O embelezamento das informações, estética de apresentação, gráficos, cores e sinalizadores, por exemplo, são muitas vezes negligenciadas.

Preocupação com a apresentação do BI

Quem não gosta de um produto visualmente bonito? Uma TV, um carro, celular, moto, tudo precisa ser esteticamente atrativo.

Uma boa apresentação estética dos resultados também se tornou um elemento de grande impacto, tornando a qualidade visual parte integrante do produto. Assim, as preocupações dos aspectos ergonômicos de uso operacional e visual complementam a ergonomia e tomaram mais espaço nos últimos anos.

Um dos grandes desafios dos gestores é justamente conseguir essas informações com velocidade e, por vezes, repetir sua extração periodicamente. É coletar essas informações em ambiente distribuído, isto é, fontes de dados originados de sistemas tipo ERP, locais ou em nuvem, planilhas, sites da internet, entre outros.

Em modelos tradicionais, compor tudo isso, gerando planilhas, pode ser trabalhoso e, sem dúvida, sujeito a erros. O mundo dos negócios lida hoje com muitas variáveis, e tomando bom proveito na sua extração para a estratégia pode contribuir para o sucesso e para a estagnação.

Os sistemas de BI 

Os sistemas de BI surgiram para resolver e contribuir em todas essas questões acima. Há anos venho estudando esses tipos de sistemas. O que temos visto são ofertas de produtos caros, complexos, engessados e dependentes de técnicos especializados.

Felizmente esses produtos engessados e caros estão dando lugar a soluções mais ágeis, de simples operação, com conceito self-service, que interagem com várias fontes de dados simultaneamente.

A utilização desses sistemas de BI também tem descido a escada. Eram originalmente produtos voltados à alta administração e à gerência. Dificilmente eram utilizados em ambientes nos quais ocorrem os processos nas organizações.

Isso está mudando. As ferramentas de BI estão sendo disseminadas para todos os níveis da organização.

Vejo essa fase com muita e boa expectativa. É a informação sendo apresentada em outro nível de utilização.

Algumas (apenas algumas) razões para investir em BI:

  • Agilidade na obtenção das informações;
  • Auditoria de dados;
  • Maior confiabilidade das informações;
  • Planejar e decidir com mais assertividade;
  • Conhecer melhor os processos;
  • Avaliar a performance;
  • Gerir melhor os recursos financeiros;
  • Perceber novas oportunidades;
  • Conhecer melhor o cliente;
  • Melhorar a competitividade.

E você, já investe em um sistema de BI?

Conheça o nexBI.

Acesse: www.nexBI.com.br

Ivan F.Hudler
Sócio-diretor na empresa Prosyst.

Empresas de TI: a importância da comunicação

Normalmente, profissionais das empresas de TI possuem um vocabulário próprio, cheio de palavras difíceis, jargões e termos técnicos que quem não é da área não entende absolutamente nada do que o profissional está falando. Por consequência, o cliente, que comumente não tem o mesmo conhecimento, sente-se perdido e a comunicação fica prejudicada. Assim, o ideal é o profissional de TI falar a mesma linguagem do cliente, fator muito importante para se estabelecer um nível de atendimento adequado, cordial e eficaz.

O que fazer?

Você não precisa sorrir o tempo todo, mas é fundamental ser simpático e mostrar cordialidade. Ao se encontrar com o cliente, cumprimente-o com um sorriso e aperto de mão firme. Este já é o primeiro passo para estabelecer um relacionamento profissional de qualidade. Prestar atenção no que o cliente fala é tão importante quanto você falar. Espere sua vez, nunca o interrompa, pois você precisa ouvir e entender o que ele deseja. Não entendeu? Questione. O bom desenvolvimento do seu trabalho depende disso.

Uma conversa ao telefone pode ser tão agradável quanto uma presencial. A pessoa que está do outro lado da linha “sente” sua respiração, seu tom de voz e é possível até identificar o seu humor. Você se lembra das tele mensagens? Recorde-se das emoções que eram colocadas em cada trecho da mensagem. Agora traga isso para o lado profissional, trate o cliente com atenção e mantenha um ritmo de conversa agradável, fale pausadamente e com volume de voz agradável.

Se o cliente estiver exaltado do outro lado da linha, aí vai uma dica preciosa: use a inteligência, seja paciente e educado, jamais seja hostil e não peça calma, isso apenas piora a situação. Ouvir o que ele tem a dizer é a melhor atitude, e diga a ele que o compreende e que irá ajudá-lo. O cliente é importante!

E a tecnologia, ajuda ou atrapalha?

E-mails, chat, aplicativos de celular… Podemos ver em qualquer lugar que tem alguém nos procurando! Ruim? Claro que não! A tecnologia evoluiu tanto que nem pensaríamos na hipótese de ter que esperar 7 dias para chegar, via correio, uma correspondência solicitando assessoria ou alterações em um determinado projeto. E se essa carta não estiver bem escrita ou se não entendêssemos o que o cliente quer? Mais 7 dias para o cliente receber a resposta e outros 7 para você receber o que ele quer.

Lá se foram 21 longos dias perdidos só porque houve uma falha na comunicação. Agora, pense nos e-mails que recebemos. Eles ficam guardados e demoramos 21 dias para responder?

É praticamente arcaico. Organize um tempo do seu dia para responder e-mails, isso é valorizar o cliente e o seu tempo.

Ser um profissional das empresas de TI exige cada vez mais conhecimento em novas tecnologias, e o mercado procura quem esteja de acordo com as necessidades dos clientes. Mas lembre-se sempre: ter uma boa comunicação e ter empatia é o bem mais precioso que um profissional de qualquer área pode ter.

Mercado Externo e DI – Treinamento em 19 de outubro 2016

Trabalha com importação de produtos? Sim? Então esse treinamento é fundamental para você e também para os profissionais dessa área que utilizam o ERP Prosyst. O sistema contempla todo o processo de aquisição no mercado externo, que inicia com a solicitação de compras, montagem do pedido, recebimento da DI (Declaração de Importação) com a possibilidade de importação do XML da DI, e acompanhamento até o fechamento do documento.

Data: 19/10/2016
Horário: 8h às 12h
Local: Prosyst

Serão abordados nesse treinamento os seguintes assuntos:

1. Cadastros básicos para o processo
1.1 Cadastro de Moedas
1.2 Cadastro dos Valores Monetários
1.3 Download da Cotação da Moeda
1.4 Cadastro de Países
1.5 Cadastro de Idiomas
1.6 Cadastro de Clientes/Fornecedor (informações de endereço no exterior)
1.7 Cadastro de Materiais (importância da informação de ser ou não Material Importado)
1.8 Manutenção do Cadastro de Materiais Importação/Exportação
1.9 Cadastro do Local de Estoque

2. Processo de Compras Mercado Externo
2.1 Montagem de Solicitação de Compras
2.2 Montagem de Pedido de Compras
2.3 Impressão do Pedido de Compras

3. Montagem da DI (Importação Direta – base normal)
3.1 Manutenção da DI + Importação da DI via XML
3.2 Geração da Nota Fiscal
3.3 Tipos de importação no ERP Prosyst
3.4 Informações Gerais / Adições
3.5 Faturas Comerciais
3.6 Observações da DI
3.7 Fechamento da DI
3.8 Alterar Informações da Adição
3.9 Alterar Informações Adicionais
3.10 Emitissão Nota Fiscal de Entrada
3.11 Atualizar Movimentos no Estoque (baseado na NF de Entrada)

4. Consultas auxiliares no ERP Prosyst
4.1  Contas a Pagar
4.2 Notas Fiscais de Entrada
4.3 Movimentação do Estoque
4.4 Cadastro de Material
4.5 Estoque do Material

Instrutor: Charles Gutz – Consultor do ERP Prosyst.
Inclusos: Apostila (disponível área de conhecimento no site da Prosyst), coffee-break e certificado.
Investimento: R$ 189,00 por participante
Desconto para participantes adicionais (mesma empresa): 40%
Forma de pagamento: boleto bancário com vencimento em 7 dias.
Estacionamento Próprio: Acesso pela Rua Gustavo Karmann, fundos da Prosyst.

Nota: A Prosyst reserva-se no direito de adiar ou cancelar o curso caso não haja número mínino de participantes.
Eventuais valores já pagos serão reembolsados.

Informações e inscrições: com Gabriel Moraes (gabriel.moraes@prosyst.com.br até 17/10/2016).