ERP – Sistema de Gestão Empresarial

A Prosyst é referência em sistemas de gestão empresarial. Há 30 anos no mercado, seu ERP acumula experiência para atender na íntegra as regras de negócio e processos das indústrias e suas extensões, como rede de lojas, serviços e distribuição.

agilize-processo

Agilize
processos

elimine_desperdicios-icone

Elimine
desperdícios

encontre-oportunidades

Encontre
oportunidades

satisfaca-clientes

Satisfaça seus
clientes

cresca-com-seguranca

Cresça com
segurança

Sistemas que Atendem Sua Empresa por Completo

Atualizado com as principais obrigações fiscais
Federais, Estaduais e Municipais

Universo SPED Prosyst

– EFD – SPED Contábil
– ECF – SPED Fiscal
– EFD ICMS-IPI

– EFD Contribuições
– FCONT
– EFD Social
– NF-e

logo-miniSão 30 anos de Experiência

Gestão de Empresas

Fortaleça sua Empresa

Sistemas adaptados para seu Negócio

industria-seriada

Indústria
seriada

industria-formulacao

Indústria por
formulações
e receitas

industria-projeto

Indústria por
projeto

Rede
de Lojas

distribuidoras

Distribuidoras
e combustivel

Qual é a sua área de negócio?

São 30 anos de evolução na prática com clientes em várias áreas de atuação.

industria-icon-lines

Indústria
metal mecânica
Indústria
matéria prima,
peças e componentes
Indústria de máquinas
e equipamentos
Fundição, usinagem
e ferramentaria
Indústria de
bens de consumo
Indústria com
rede de lojas

industria-formulacoes-icone

Indústria de
alimentos
Indústria de
cosméticos
Indústria
odontológica

distribuidora-icone-diagrama

Distribuição e
postos de combustível
Distribuição de
bens de consumo
Distribuição de
indústria própria

servicos-icon

Serviços de
engenharia
Serviços Industriais
Serviços de TI
Serviços de segurança
e conservação
patrimonial

extensoes-icon

Bares e Restaurantes
Conveniência
Lojas

Parcerias Duradouras, Nosso Maior Orgulho

Alguns de nossos clientes

dohlerfgmtirolopabierrudnickfibrasca

  • Sérgio Seefeld
    Sérgio Seefeld Gerente na Rudnick & Cia. Ltda

    Hoje temos uma gestão integrada de todos os processos do nosso negócio de revenda de combustível, informatização dos postos, lojas de conveniência e restaurante. Desta forma, a gestão corporativa está suportada pelo ERP Prosyst, alinhado com todas as exigências fiscais e tributárias vigentes. Hoje, somos o maior posto do sul do Brasil e o segundo da bandeira Ipiranga no Brasil. Estamos alcançando metas históricas e isto tudo gerenciado pelo Prosyst.

  • César Döhler
    César Döhler Conselheiro de Administração da Döhler Têxtil

    Lá se vão mais de duas décadas que a Döhler tem a dedicada parceria da Prosyst em boa parte de sua plataforma digital. E isso significa não apenas que as empresas têm boas afinidades. Muito mais do que exitosa parceria comercial, esse longo tempo é a marca de um relacionamento que nos faz crescer juntos. E estar sempre à frente, no que se refere a desenvolvimento tecnológico, aprendendo sempre. Seja na estrutura administrativa, seja em complexos processos industriais, a Prosyst sempre se fez presente, apoiando e oferecendo excelente suporte técnico.

Academia Prosyst, Boletim Técnico e Conhecimento.

ERP com banco de dados PostgreSQL. Quais as vantagens?

Com o objetivo de oferecer aos clientes maior autonomia e flexibilidade, a Prosyst Sistemas, de Joinville (SC), preparou o ERP (sistema de gestão empresarial) para a instalação no banco de dados PostgreSQL.

Alguns clientes Prosyst já realizaram a migração para o PostgreSQL. Veja abaixo case de sucesso e as vantagens em se utilizar esse banco de dados.

Afinal, o que é o banco de dados PostgreSQL?

Atualmente, o PostgreSQL é tido como um dos bancos de dados mais avançados do mundo. De acordo com informações do portal www.postgresql.org, grandes companhias e governos têm usado esse gerenciador de banco de dados, entre elas: Apple, Fujitsu, Departamento de Estado (EUA), Sociedade Química Americana, Greenpeace e Caixa Econômica Federal (CEF).

Erzinger já utiliza o banco de dados PostgreSQL

Um dos cases de sucesso é a Erzinger, empresa joinvilense líder nacional de equipamentos para sistemas de pré-tratamento de superfícies, cliente da Prosyst há 21 anos. Confira o depoimento de Irapuam de Paula Filho, gerente de TI da Erzinger.

“Antes de migrar para o PostgreSQL, tínhamos um custo elevado com aquisições de licenças para usuários adicionais. Hoje, esse custo não existe mais. Outros ganhos são a melhora da performance, que até o momento está em pelo menos 20%, e a possibilidade de aumento do armazenamento de dados. Nossa percepção dos ganhos está sendo bastante positiva.”

 Quais as principais vantagens do PostgreSQL

A utilização do PostgreSQL conta com diversas vantagens e benefícios, entre eles:

Maior economia: Sem custo de licenciamento por usuário e taxas de renovações.
Melhor performance: Alto desempenho, intenso fluxo de dados com garantia de estabilidade e segurança.
Mais espaço: capacidade para armazenamento de dados sem limite.
Acessos facilitados: Usuários simultâneos ilimitados.
Maior flexibilidade: Roda em diversas plataformas, como Windows e Linux, em suas mais variadas versões.

Enfim, quer maior estabilidade, segurança e um banco de dados que permite liberdade e economia?

Já é cliente Prosyst? Entre em contato com o comercial Prosyst e planeje a migração dos dados da sua empresa.

Nova Plataforma de Boletos de Pagamento – Cobrança Registrada 

Durante o ano de 2017 será implantada a Nova Plataforma de Boletos de Pagamento – Cobrança Registrada, desenvolvida pela FEBRABAN (Federação Brasileira de Bancos), em conjunto com a rede bancária.

O que é a Nova Plataforma de Cobrança Registrada?

É um sistema para modernizar o processo de liquidação dos boletos bancários, com mecanismos que trazem mais controle e segurança a esse meio de pagamento, para garantir mais confiabilidade e comodidade aos usuários.

Quais os benefícios esperados?

O principal benefício é o fato de o pagador de um boleto vencido, não precisar mais ir até o banco emissor para quitar o seu débito. Com a nova plataforma, será possível pagar um boleto vencido em qualquer agência bancária.

Outros benefícios podem ser visualizados na Cartilha da Nova Plataforma de Cobrança, no final desta página.

Qual o cronograma de implantação da Nova Plataforma de Cobrança?

O setor bancário definiu um cronograma de validação dos boletos na Nova Plataforma, observando-se aspectos técnicos e operacionais e visando a estabilidade do serviço de cobrança. Por isso, a implantação será feita em ondas de valores, conforme o cronograma a seguir:


Fonte: Cartilha da Nova Plataforma de Cobrança.

 O que será validado nesta nova Plataforma de Cobrança?

Conforme previsto nas Circulares n.ºs 3.461/2009, 3598/12 e 3.656/13, do Banco Central do Brasil, e observadas as datas acima, a rede bancária não mais acatará boletos de pagamento sem o CPF/CNPJ do pagador.

 O que a minha empresa precisa fazer para atender a nova Plataforma de Cobrança?

Para empresas que já operam na modalidade Cobrança Registrada, basta manter o cadastro de clientes atualizado com a informação do CPF/CNPJ dos mesmos.

Para empresas que ainda operam na modalidade Sem Registro, segundo a FEBRABAN, serão contatadas pelo seu banco de relacionamento para registrarem seus boletos de pagamento, visando o preparo para a Nova Plataforma de Cobrança. Após a preparação com o banco, também será necessário manter o cadastro de clientes atualizado com a informação do CPF/CNPJ dos mesmos.

O ERP Prosyst está preparado para esta nova Plataforma de Cobrança?

Sim, o ERP Prosyst já está preparado.

Para dúvidas ou informações, acesse a Cartilha da Nova Plataforma de Cobrança.

Bloco K: Conheça o case de sucesso da Cervejaria Opa Bier

As obrigações do Bloco K têm exigido muito esforço para que indústrias e empresas se adequem ao SPED Fiscal. Além de ser um tema que levanta dúvidas, ele requer planejamento antecipado e acompanhamento constante dos responsáveis.

Outro ponto que demanda atenção é no que diz respeito ao envio mensal ao Fisco das informações sobre a produção, estoque, consumo e matéria-prima. Por isso, é muito importante ter um sistema de gestão que agilize esse processo de transmissão dos dados e dê suporte rápido.

Veja abaixo como um ERP pode ajudar sua empresa com as exigências do Bloco K

Antes de mais nada, porém, você sabe o que é o Bloco K do SPED Fiscal?

O Bloco K é um instrumento que disciplina o processo produtivo dentro da empresa. Ele atua desde a entrada da nota fiscal que alimenta o controle de estoque, passa pela produção – por meio da ficha técnica do item produzido e suas ordens de produção – e finaliza com a emissão da nota fiscal de saída. Com este controle, o Fisco poderá identificar o fluxo do material dentro da empresa, além das perdas de insumos.

É nesta hora que um sistema de gestão para empresas pode ajudar, pois ele controla todo o processo de produção e as informações para que as atividades sejam devidamente registradas e fáceis de serem enviadas.

“As empresas precisam entender bem as mudanças proporcionadas pela implementação do Bloco K, e saber que quanto antes se prepararem, melhor, pois é um processo de mudança de paradigmas que precisa contar com uma equipe focada, uma assessoria Fiscal competente e um software integrado”, afirma Jacób Ezequiel de Oliveira Neto, analista fiscal da Prosyst Sistemas, de Joinville (SC), empresa referência em sistemas de gestão empresarial.

O Case de Sucesso da Cervejaria Opa Bier

Um dos exemplos que mostram os benefícios de um plano bem planejado e conduzido para o Bloco K é o da Opa Bier, de Joinville (SC). A cervejaria soube das demandas e exigências para o SPED Fiscal um ano antes de elas entrarem em vigor para o perfil de indústria dela (fabricantes de bebidas).

“Em conjunto com a Prosyst, trabalhamos em melhorias e correções de forma antecipada e nos preparando da forma correta. Tudo foi muito bem conduzido e planejado”, lembra Maurício Von Scheidt, gerente administrativo da Opa Bier.

Desde janeiro deste ano a cervejaria de Joinville é obrigada a enviar as informações para o Fisco, mas tanto a indústria como o seu sistema de gestão já estavam preparados, segundo Scheidt, desde 2016.

De acordo com o gerente administrativo Maurício Scheidt, os destaques desse processo de mudança foram as criações das fichas técnicas. Segundo ele, todos os detalhes foram perfeitamente orientados e previstos no sistema de gestão da Prosyst. “Tudo foi feito no tempo certo e sem pressa”, diz.

Alterações e calendário do Bloco K

As obrigatoriedades de escrituração do Bloco K sofreram adiamentos ao longo dos últimos anos, principalmente a pedido das empresas que precisaram de mais tempo para a implantação das melhorias e informações.

Com as atualizações do calendário, os prazos ficaram assim:

• Estabelecimentos industriais classificados nas divisões 10 a 32 da Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE) pertencentes à empresa com faturamento anual igual ou superior a R$ 300 milhões.

Bloco K superior R$300 milhões

• Estabelecimentos industriais classificados nas divisões 10 a 32 da Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE) pertencentes à empresa com faturamento anual igual ou superior a R$ 78 milhõesBloco K Superior 78 Milhões

• Demais estabelecimentos industriais; os estabelecimentos atacadistas classificados nos grupos 462 a 469 da Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE) e os estabelecimentos equiparados a industrial

462 e 469

E a sua empresa, está preparada para as obrigações do Bloco K? Conte com a Prosyst para ter um sistema de gestão que ajude no envio das informações necessárias. Fale Conosco!